Steam insere código de captcha em trocas para combater malwares

2015 mal começou e a Steam já introduziu mais um procedimento de segurança para seus usuários. Na última sexta-feira (09), a plataforma virtual de comércio e armazenamento de jogos aplicou um teste CAPTCHA (aquelas letrinhas de verificação para ter certeza de que você é humano) para os processos de troca. O objetivo é impedir os malwares que têm potencial de esvaziar os inventários dos jogadores.

Ao incluir a atualização na plataforma, o funcionário da Valve, John Cook, anunciou as mudanças e até pediu desculpas antecipadamente. “Sabemos que é um pouco frustrante e não gostamos de deixar as trocas mais difíceis para nossos usuários, mas esperamos que isso ajude os clientes com malwares no PC a não perderem os itens de suas contas”. Aplicativos externos aprovados pela Steam estarão isentos de CAPTCHA para continuar com seu funcionamento adequado.

Embora o recurso surgiu para impedir malwares que limpavam os inventários para os Steam Trading Cards, cartões colecionáveis trocados por recompensas ou dinheiro na plataforma, o CAPTCHA se aplicará à qualquer forma de troca ou presente.

Em novembro do ano passado, a Steam inseriu um período de espera para troca de jogos novos. O usuário teria que esperar trinta dias após a aquisição de um jogo para poder trocá-lo. Similarmente ao caso dos malwares, o objetivo era impedir que chaves de jogos inutilizáveis fossem vendidas no mercado cinza da plataforma de jogos.

via Adrenaline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.